Seu browser não suporta JavaScript!

02/02/2018 | Jornal Panrotas online

"Céus abertos Brasil-EUA sai este ano", afirma deputado

A implementação do visto eletrônico brasileiro para cidadãos dos Estados Unidos, Austrália, Canadá e Japão é considerada uma conquista de anos para o setor do Turismo. Uma das frentes envolvidas nesse projeto, o deputado federal Otavio Leite (PSDB-RJ) se diz extasiado com esse novo momento, mas não deixa de pensar em outras pautas que beneficiam a indústria de viagens.

Uma demanda tão antiga de parlamentares e do trade é o tratado bilateral para liberação de trânsito aéreo entre Estados Unidos e Brasil, o chamado acordo de céus abertos. O assunto passou a ganhar novas discussões nos últimos dias com Latam e Azul e, segundo Leite, será tratado como prioridade neste início de ano.

Em conversa com o Portal PANROTAS, o político destaca que a Câmara dos Deputados aprovou em dezembro passado a confirmação do projeto. A vigência do acordo depende apenas da aprovação do senado.

Ele assinala que a votação tem de acontecer até o fim do primeiro semestre, caso contrário a entrada do período eleitoral vai adiar o projeto até 2019. “A constituição determina que a ratificação seja pelo congresso, não precisando ser sancionada pelo presidente [Michel Temer]. Eu vou me empenhar junto aos senadores para que a aprovação saia o quanto antes."

Ainda segundo Otavio Leite, a entrada de mais voos de e para Estados Unidos vai facilitar o aumento de turistas norte-americanos no Brasil. Ele acredita que, com a facilidade do visto eletrônico, o número de visitantes desse país vai chegar a 1,2 milhão em até cinco anos.